Connect with us

Nacional

Após a acusação de um senador petista ter cuspido em Marco Feliciano, o Presidente da CPI solicita as imagens da sessão

Published

on

Manaus – (AM) O presidente da CPI dos Atos do 8 de Janeiro, deputado Arthur Maia (União-BA), pediu nesta terça-feira (8) à secretaria da comissão que seja feita perícia nas imagens da sessão desta terça, destinada ao depoimento do ex-ministro Anderson Torres.

A medida foi tomada após o deputado Marco Feliciano (PL-SP) ter acusado o senador Rogério Carvalho (PT-SE) de ter cuspido nele.

Procurado pelo g1,

Disse também que, se eventualmente cuspiu no deputado, foi sem querer e durante o discurso na sessão.

Inicialmente, o pedido de perícia havia sido feito pelo deputado Abilio Brunini (PL-MT), que não integra a CPI. Arthur Maia respondeu a ele que, como não estava presente à sessão durante o episódio, não poderia fazer o pedido. Feliciano, então, se dirigiu a Maia e disse que ele, sim, fazia questão da perícia.

Diante do pedido, Maia anunciou a decisão

“Solicito […] que seja periciada a fita que foi desse entrevero que aconteceu na parte da manhã entre o senador Rogério Carvalho e o deputado Marco Feliciano”, anunciou Maia.

Arthur Maia chegou a dizer a Feliciano que tinha “certeza” que Rogério Carvalho não havia cuspido propositalmente, mas que, como o deputado insistia no pedido de perícia, o presidente da CPI tomaria a medida.

“Todo mundo viu aqui que não houve nenhuma intenção”, argumentou Maia a Feliciano

“Se é um de nós, estamos perdidos”, respondeu Feliciano.

“Tenho certeza absoluta que o senador não fez nada de propósito, não cuspiu. Pode até ter falado, todos nós na hora da discussão cometemos desinteligências na fala, mas tenho certeza que não foi o propósito do senador cuspir em vossa excelência”, respondeu mais uma vez Arthur Maia.

Fonte: g1

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *