Connect with us

Amazonas

Sinésio Campos e Adjuto Afonso são os deputados que mais usaram o “cotão” da Aleam em fevereiro

Published

on

O deputado estadual Sinésio Campos (PT) e o colega Adjuto Afonso (União) são os parlamentares que mais usaram o “cotão”, Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (CEAP), no mês de fevereiro. Dos 24 parlamentares eleitos para a 20ª Legislatura, o único deputado que não prestou contas de suas despesas foi Thiago Abrahim (União). Os dados constam no Portal de Transparência da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam).

Conforme levantamento feito pelo Vies, além do petista Sinésio que usou R$ 53.007,50, oAdjuto Afonso que gastou R$ 50.178,88, os deputados Wanderley Monteiro (Avante) usou R$ 49.500,00 mil, o Dan Câmara (PSC) R$ 49.842,50, e Mário César Filho (União Brasil) R$ 49.340,30.

Já os deputados estaduais que menos “gastaram” o cotão está Daniel Almeida (Avante) que registrou R$ 7.800,00 e o Delegado Pericles (PL) com R$ 20.561,00, destacando que Daniel Almeida está no seu primeiro mandato e é o irmão do prefeito de Manaus, David Almeida. Já o Delegado Pericles encontra-se em seu segundo mandato.

O Ceap é uma cota única mensal destinado a custear os gastos dos deputados estaduais exclusivamente vinculados ao exercício da atividade parlamentar, e não deve ser empregado em outro fim. O valor mensal depositado nas contas dos parlamentares é de R$ 49.849,00 mensal, podendo ser acumulativo.

A maioria dos deputados estaduais usa o cotão para pagar despesas com combustíveis, alugueis de veículos, assessoria jurídica, assessoria de comunicação, serviços gráficos, materiais de expedientes, e até há casos de compra de passagens aéreas.

Confira os gastos do petista Sinésio Campos

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *