Connect with us

Judiciário

Valdemar Costa Neto diz que TSE errará se condenar Bolsonaro

Published

on

O presidente do PL, Valdemar Costa Neto, disse, em vídeo gravado por sua assessoria de imprensa e encaminhado à CNN, que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cometerá um erro se condenar o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) à inelegibilidade.

Ele comparou a situação de Bolsonaro com a do deputado cassado Deltan Dallagnol (Pode-PR).

“Quando eu falei do [senador] Sergio Moro [União-PR] e do Dallagnol, não tenho nada contra eles. Tudo o que o Deltan e o Sergio Moro fizeram foi anulado pelo Supremo Tribunal Federal. Isso não justifica que tenha que cometer outro erro para corrigir o passado. Não estou defendendo ninguém e não estou acusando ninguém. Só sei que eles estão pagando por causa do excesso”, afirmou no vídeo.

“A imprensa toda em cima deles. ‘Ninguém punha a cara com eles’, e eles fizeram o que quiseram. Exageraram. O que não pode é um erro justificar o outro. Por causa disso, vamos cometer outro erro? Não acredito que o TSE fará isso [cassar direitos políticos de Bolsonaro] porque o TSE estará errando se condenar Bolsonaro e deixar Bolsonaro inelegível. Nenhuma justificativa tem para exageros no Poder Judiciário”, disse Valdemar.

Valdemar afirmou ainda que, “como presidente do partido”, “tem que defender nosso pessoal”.

Ele declarou também que fica “triste de ver [que] a maior parte da imprensa está dando que Bolsonaro será impedido, que vão impedir Bolsonaro de ser candidato daqui para a frente, dizendo que Bolsonaro será impedido”.

E questionou: “Como pode falar isso antes do julgamento? Vamos esperar o julgamento. Vamos confiar na Justiça e vamos pedir firmeza na lei para a gente não ter problema. Porque as coisas mudam. Como o PT mudou: do buraco vieram para a Presidência da República. Amanhã, nós vamos estar na Presidência da República. É isso o que eu quero. Essa questão é a mais importante”.

Fonte: CNN

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *