Connect with us

Política

Aplicativos de “infiéis” cobra líder evangélico Silas Câmara por alinhamento a Lula

Published

on

Brasília (DF) – O deputado federal pelo Amazonas Silas Câmara (Republicano-AM), líder da bancada evangélica, entrou no alvo da oposição. Desde o mês de abril, o parlamentar tem aumentado o número de votos em plenário alinhados com pautas do governo Lula.

De 45 votações orientadas das quais ele participou desde início do ano, em 30 delas Câmara posicionou-se em conformidade com o governo. Isso corresponde ao que a liderança da oposição definiu como “percentual de alinhamento com o governo”.

Os dados fazem parte de um aplicativo criado pela oposição para monitorar os votos do grupo. No aplicativo, é possível ver, inclusive, a classificação que o parlamentar recebe.

No caso do líder evangélico, essa taxa de alinhamento com o governo atingiu os 66,7%, conforme levantamento ao qual O Antagonista teve acesso.  O mínimo para um parlamentar estar classificado como “de oposição” pelo aplicativo é de 70% de divergência com o governo.

COm base neste levantamento, o líder do grupo, Carlos Jordy (PL-RJ), passou a cobrar os “infiéis”. Parlamentares do grupo também pressionam contra a permanência daqueles que não alcançam o percentual mínimo de adesão às orientações da bancada em cargos de liderança.

Com informações de O Antagonista.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *