Connect with us

Amazonas

Alberto Neto e Amom Mandel trocam farpas nas redes sociais

Published

on

Após a ampla divulgação da liberação de mais de R$ 7 bilhões em emendas parlamentares pelo governo Lula, dos quais R$ 5,3 bilhões foi por meio de emendas Pix, o deputado federal pelo Amazonas, Amom Mandel (Cidadania), usou suas redes sociais para atacar o também deputado federal capitão Alberto Neto (PL). Amom apontou os partidos políticos e os parlamentares que foram “agraciados” com o montante.

Na publicação, Amom apontou que entre os cinco partidos políticos que mais receberam emendas Pix  de Lula foi o Partido Liberal (PL), do ex-presidente Jair Bolsonaro, e nominou cada um deles. O nome do deputado federal Capitão Alberto Neto (PL), eleito pelo Amazonas, figurou a quinta colocação, com recebimento de R$ 15,7 milhões, na semana da votação da reforma tributária, ocorrida na Câmara dos Deputados.

“É importante fiscalizar os parlamentares que usaram essa modalidade, pois é já é conhecida por ser menos transparente e menos segura contra desvios de verba”, atacou Amom.

Alberto Neto não se calou diante da acusação e fez o seguinte comentário ao jovem parlamentar. “Acabei de fazer um esclarecimento sobre essa postagem do deputado Amom em meu perfil”, escreveu abaixo da publicação de Amom.

“É normal que o Deputado ainda não ter conhecimento de todos os processos da Casa Legislativa. Emenda impositiva, são recursos que nós Deputados e Senadores, fazemos o direcionamento ao estado que representamos e seus municípios. Segue o fio”, ensinou Alberto.

A discussão entre os dois não pararam por aí. A militância de cada parlamentar aproveitou para entrar em ação e defender seus deputados.

Entretanto, nos bastidores locais, os comentários que circulam é que tanto Amom quanto Alberto Neto têm pretenções de disputarem à Prefeitura de Manaus em 2024. Alberto reiterou que o PL vai lançar um nome para disputar o executivo municipal e o mesmo será divulgado em um momento oportuno.

Já Amom, cujo partido Cidadania está coligado com o PSDB, sofre resistência porque em Manaus a sigla é liderada pelo senador Plínio Valério que não esconde o interesse em disputar o pleito em 2024.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *