Connect with us

Amazonas

Corregedoria abre reclamação disciplinar contra promotor que comparou advogada a cadela

Published

on

Manaus (AM) – O CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) instaurou, de ofício, reclamação disciplinar em desfavor do promotor Walber Luís Silva do Nascimento, que teria comparado advogada a uma cadela. Nesta quinta-feira (14), a OAB pediu que a corregedoria instaurasse o procedimento.

Segundo a portaria do CNMP, para a instauração da reclamação foi considerada a competência do órgão para receber reclamações e denúncias de qualquer interessado relativas aos membros do Ministério Público e de seus serviços auxiliares.

A reclamação disciplinar é o procedimento investigativo de notícia de falta disciplinar atribuída a membro ou servidor do Ministério Público.

O promotor terá dez dias para prestar informações.

O caso

A advogada Catharina Estrella acusou o promotor de justiça Walber Nascimento de compará-la a uma cadela durante audiência na 3ª vara do Tribunal do Júri do Amazonas, que aconteceu na terça-feira, 12.

Nas imagens divulgadas nas redes sociais, o promotor diz que não ofendeu a advogada, mas que no quesito lealdade, não poderia compará-la a uma cadela, pois o animal seria mais leal.

“Se tem uma característica que o cachorro tem, Dra. Catharina, é lealdade. Eles são leais, são puros, são sinceros, são verdadeiros. E, no quesito lealdade e me referindo especificamente à vossa excelência, comparar a vossa excelência com uma cadela é muito ofensivo, mas não à vossa excelência, a cadela.”

Após o ocorrido, a advogada apareceu em um vídeo postado no Instagram junto com o presidente da OAB/AM, Jean Cleuter, e salientou que não precisava passar por isso no exercício da advocacia e que o juiz, ao ver as ofensas, nada fez.

Fonte: Migalhas

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *