Connect with us

Amazonas

PF e Ibama destroem 302 balsas do garimpo no Amazonas em 12 dias

Published

on

Manaus (AM) – A Polícia Federal (PF), com apoio do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renovávei (Ibama), destruiu 302 balsas do garimpo ilegal durante operação iniciada há 13 dias e finalizada no último sábado (2), no Rio Madeira, entre os municípios de Autazes (a 111 quilômetros de Manaus) e Manicoré (a 331 quilômetros da capital).

Policiais federais e agentes do Ibama percorreram 1500 quilômetros no rio Madeira, passando também pelos municípios de Nova Olinda do Norte, Borba e Novo Aripuanã.

Os agentes explodiram as embarcações para evitar a volta do garimpo ilegal na região. A ação da PF é acompanhada pelos garimpeiros.

Segundo a PF, áreas indígenas chegaram a ser invadidas pelos garimpeiros. A prática da atividade na região contamina o rio por substâncias como mercúrio e cianeto, que também prejudicam a saúde dos povos tradicionais e ribeirinhos.

De acordo com o Ministério da Justiça, essa foi a última fase da operação Draga Zero, com a maior destruição de balsas do garimpo ilegal na Amazônia realizada nos últimos anos.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *